10 julho 2007

25 de março: Lugar de gente feliz

Feriadão, eu fui lá munida de duas acompanhantes enlouquecidas pela lista que tínhamos que comprar e pela variedade de coisas que tem naquela rua. Na volta, eu estava uns 300 reais mais pobre, era a nova proprietária de uma tuia de bugigangas, incluindo um porta-retrato e uma fruteira lindérrima, um Mc Chiken e um suco de maracujá (ambos na barriga).
Além disso, encontrei gente ensandecida com suas sacolas gigantes que batem em qualquer indivíduo que insiste em passar ao lado, vendedores gritando por suas mercadorias de qualidade e preços irresistíveis, veículos buzinando num trânsito maravilhoso. Onde mais isso é possível?

Concluindo: a Rua 25 de março merece ou não merece o slogan, heim, heim?

2 comentários:

MB disse...

Oi Rosi....fazendo compras para a casa nova?
Q delicia....to morreeeeeeeeeeeeeeeeeeeennnnnnddddoooooooooooooo de inveja.....hahahahahahahahaha.
Beijos...até mais.

Anônimo disse...

Ai Rossiiiii...adoro ler os seus gritos..... mas o melhor mesmo foi a foto da 25...kkkkk....
bjs