17 agosto 2007

Prá rir

Um dia, a rosa encontrou a couve-flor e disse:
- Que petulância te chamarem de Flor! Veja sua pele: é áspera e rude, enquanto a minha é lisa e sedosa... Veja seu cheiro: é desagradável e repulsivo, enquanto o meu perfume é sensual e envolvente... Veja seu corpo: é grosseiro e feio, enquanto o meu é delicado e elegante. Eu, sim, sou uma flor!
E a couve-flor respondeu:
-HELLOOOOOU, QUERIDAAAA!!! ACORDAAAAAAA!!! De quê adianta ser tão linda, se ninguém te come ??? Hã?


AUTO ESTIMA É TUDO!

3 comentários:

Milla disse...

Nossa, Gostei dessa!
Auto estima é tudo mesmo.Talvez eu esteja precisando ver as coisas por esse ângulo!

Ivan disse...

Sobre seu depoimento em relação ao espiritsimo, duas coisinhas.

O termo "incorporação" não se aplica aos textos espíritas doutrinários. Esse termo sugere que um espírito é capaz de "entrar" no corpo de alguém e isso, ensina a Doutrina, não é possível. A ligação subjugadora é mental.

A outra coisinha é o termo "benzedeira", também inexistente no vocabulário espírita.

Quanto à anedota, é verdade verdadeira mesmo.



Meus blogs:
Http://umcasal.blogspot.com
ou
Http://ijdlf.zip.net

Rosi disse...

Resposta ao IVAN
Conheço realmente a doutrina espírita, porém meu texto está direcionado à uma época em que eu não a conhecida e também aqueles que não conhece. É por essa razão que alguns termos, como benzedeira, fazem parte do texto. OK?!!!!!