21 agosto 2008

Não vale uma prata na mão...

do que um bronze voando.

As meninas do Brasil deixaram o sonho dourado ir embora novamente. Frustração pela segunda perda consecutiva, não por falta de competência, muito pelo contrário.
Sempre achei a medalha de prata apenas um consolo por você não ser o melhor, mas nesse caso, fiquei imensamente triste. Que pena meninas!

Já para a dupla Renata e Talita do vôlei de prata que perdeu o bronze para as chinesas: lamentável. Triste perder no último momento para uma dupla que entreou nas olimpíadas. Ai.

Um comentário:

Mila disse...

To achando surpresa quando ganham medalha... o Brasil ta o país do quase... quase com Diego, com Daiane, com Jade, com Thiago Caimilo, Derly....
No fundo, mais uma vez. acho bom. Assim a farsa do país do esporte não cola como campanha política mais uma vez... já basta o engodo do Pan...
Beijos Mila