28 novembro 2009

Síndrome do pé gordo

O verão chegou e com ele as roupas curtas coloridas e lindas voltaram. E os pés querem mais é ficar à mostra.
Dia desses, me apaixonei por umas sandálias rasteiras que vi numa loja perto de casa. Como o precinho tava ótimo, corri para experimentar.
Doce ilusão a minha achar que iria levar alguma para casa. A dona do pé gordo sou eu. Insisti nos modelos, mas constatei que tenho pés altos e nenhum modelo que tenha alguma aplicação (tiras, fivelas) na parte de cima do pé me serve.
E pra finalizar: constatei que nunca seria como a Cinderela, que era a única capaz de calçar o sapatinho de cristal. Triste!

4 comentários:

Luci Cardinelli disse...

ah como eu entendo vc... e imagina ainda por cima calçando 39 :(

beijo e final de semana bem gostoso procê.

e os preparativos???

Patrícia Pirota disse...

Só de ver o título do post já vim ler o resto sorrindo...

Como eu entendo você! Dede pequena meus pés não cabem em sapatos bonitinhos...

Nunca pude usar uma sandália da Xuxa, e nunca vou poder usar um sapatinho de Cristal...

Ainda bem que existem muitas e coloridas Havaianas xD

Beijo, estrupícia!

Cláudia Ramalho disse...

Ai, Rosi, meu pé é tão dofícil de caber em qualquer sandália... mas deixa pra lá. Aprendi a gostar do bichinho assim mesmo e até que o acho bonitinho hoje. Ele é largo, alto e chato.

***
Rosi, nossos pais, certos ou errados, fizeram o que melhor puderam. Hoje eu entendo isso, viu? Espero poder superar minhas limitações.

Nana disse...

hahaha eu tb sou assim engraçado que todo mundo empresta o seu sapato para eu lacear.
Bjsss