28 setembro 2010

Querido Dudu

"Chegamos à metade da gestação. Você está há 20 semanas na minha barriga e já é o ser mais amado por mim e pelo papai. Nossa vida já mudou muito e estamos cada vez mais próximos, graças a você, fruto do nosso amor.

Sabe filho, estar grávida é uma das melhores experiências de uma mulher. É intenso, é magnífico, provoca mudanças, traz amadurecimento, você fica feia, sente dores e desconfortos, muda sua pele, seu cabelo, mas tudo se torna pequeno. É algo que só quem teve um semente no ventre e sensibilidade sabe. E você me proporciona isso. Essa jornada é incrível, desperta o nosso melhor, me dá oportunidade de crescer, de mudar e de transformar. Sim, eu serei mãe e é você, Dudu, que vai me ensinar isso. Deve ser estranho já receber tanta responsabilidade, não é mesmo?! Mas Deus, em sua infinita sabedoria, sabe fazer isso em doses pequenas e certeiras.

Me sinto especial todos os dias e mesmo naqueles momentos que estou irritada ou estressada com a rotina do dia-a-dia, lembro que é você que está aqui. Sei que existe um anjo bem poderoso que protege todas as mães e grávidas do mundo, foi um desses que ajudou você a vir pra cá e te acompanhará todos os dias de sua vida. Se estou com medo? Sim, eu sempre tive. Mas as demais mulheres da família e amigas garantem que instinto de mãe é uma coisa poderosa.

Estamos preparando tudo aos poucos, gostaríamos muito de fazer um quartinho especial pra você, mas infelizmente nosso apartamento só ficará pronto depois de sua chegada, claro que isso não impede de fazer um cantinho só seu. Mamãe às vezes se preocupa com dinheiro, prazo, e até mesmo capacidade, mas aí vem o papai e fala que tudo dará certo. Vou lutar pelo meu direito de parir com dignidade, de receber você com respeito. Os presentes veem de todos os lados, assim como as demonstrações de carinho, tudo isso é por sua causa, meu pequeno garoto."

7 comentários:

Elaine Gaspareto disse...

Ah, que lindo!
Rosi, já pensou emfazer um blog para ele? Assim, só dele, falando para ele. Quando ele crescess leria e pensaria: poxa, eu fui amado até antes de existir...

Beijossssss

Amanda disse...

é tão gostoso escrever para nossos filhos né? eu adoro!
Dudu já é muito amado! Bjs

Elaine disse...

Rosi,


A gente se torna mãe assim que vê o resultado positivo, né? Ou até mesmo antes talvez, quando já fica na expectativa.
Adorei sua declaraçào de amor!

Bjs

Shilola disse...

*lindo*
Eita Dudu, vc veio numa família linda, que te ama muito, menino!
Bjocas, Rosi!

PS: Outro dia eu tava contando pra minha mãe daquele seu post lição para blogueiros, sobre a importância de escrever corretamente, lembra?

Lucia Laureano disse...

Rosi,
Lindo relato!
Tão bom sentir este amor incondicional e imenso no peito..
beijos,

Marta disse...

Rosi... que texto lindo! Esse amor, carinho e dedicação devem ser únicos mesmo. Espero um dia, breve, poder relatar esses momentos tb!
Beijocas

Priscila disse...

Que lindo, Rosi!!
Adoro essas declarações pros pequenos. Imagina como vai ser bom pra eles lerem isso depois?
Bjs.